20 fevereiro 2015

#SOUNDTRACK: A Arte da Conquista


  Para o primeiro #SOUNDTRACK escolhi o filme A Arte da Conquista (The Art of Getting By em inglês), por ter visto mais uma vez recentemente e por ter uma trilha sonora que faz parte das minhas músicas do iTunes. A trilha oficial possui 12 músicas, sendo 3 instrumentais criadas especificamente para o filme. Do total, escolhi 5 que são as minhas preferidas:



1- We Will Become Silhouettes - The Shins
  Descobri essa banda vendo um filme chamado Hora de Voltar (Garden State em inglês), a qual eu falarei em outros posts pois a admiro muito. Aparentemente, a música original é da banda The Postal Service. A versão do The Shins abre o filme 'A Arte da Conquista', tornando possível uma intertextualidade incrível, pois a música retrata o mesmo pessimismo do personagem principal do filme, interpretado pelo garoto que herdou a Fábrica de Chocolate do Willie Wonka. 


 2- We Drink on the Job - Earlimart
  Essa música surge com o personagem a ouvindo no fundo e logo depois ela domina os próximos segundos da cena, é o efeito que mais gosto em filmes com uma boa trilha sonora. Eu costumava ouvi-la quando voltava de ônibus para casa de noite, pois ela têm esse ar de fim de expediente, fim de cena. Adoro a guitarra e o baixo do início e o efeito sutil no vocal dessa canção. 


3- Winter Lady - Leonard Cohen 
  No desenrolar da trama, George, o personagem principal, está desiludido e fica ouvindo essa música em looping, como uma terapia. Leonard Cohen é um grande músico e escritor, sendo comparado ao Bob Dylan, por ter se desenvolvido musicalmente na mesma época e com a ajuda, em geral, dos mesmos produtores.


4- The Skin of My Yellow Country Teeth - Clap Your Hands Say Yeah 
  Não sou a favor do jeito do vocalista nessa música, o qual ele se arrasta como se cantasse de qualquer maneira. Diferente dessa, em outras músicas a voz dele soa melhor, como se ele não precisasse gastar toda sua garganta em uma única canção, a música simplesmente flui. Apesar disso o teclado e a batida da bateria são os elementos que mais me agradam. 


5- Spitting Fire - The Boxer Rebellion 
  Pra mim, essa é a segunda melhor entre as cinco. Sua sonoridade consegue transmitir uma vibração de empenho, como se você devesse persistir em algo ou não perder a fé, justamente o que se passa na cena em que essa música toca, na qual o personagem começa a "fazer acontecer". É o tipo de música que eu escuto em viagens longas e cansativas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.
Nossa Invasão © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.