13 maio 2015

Discografia: Fito Páez

 Em atividade desde 1981, Rodolfo Páez tem 52 anos e muita história pra contar. O argentino que além de reconhecido internacionalmente pela sua música é também cineasta e escritor, teve sua primeira banda aos 13 anos e seu talento fez com que hoje ele fosse esse artista incrível vencedor de cinco Grammys Latinos. 

 Fito tem 22 discos de estúdio lançados, e são a partir deles que iremos conhecer mais sobre esse incrível músico: 
  
Del 63
 Del 63 
 O ano de 1963 não foi apenas marcado pela chegada dos Beatles ao topo da parada britânica mas também foi o ano de nascimento de Fito Páez, dando origem ao título de seu primeiro disco solo lançado em 1984, pela EMI Music assim como os próximos seis álbuns.  Apenas "Rojo Como Un Corazón" não foi escrita pelo músico. 
Giros


Giros
 O Segundo disco do músico foi lançando em 1985 e possui duas músicas que foram consideradas hinos da música popular argentina: "Yo vengo a ofrecer mi corazón" e "11 y 6", que é a segunda música mais acessada do perfil do músico no site Letras. É considerado o 82º melhor disco de rock argentino pela Rolling Stone Argentina


Corazón Clandestino
 Considerado um álbum em sua discografia, Corazón Clandestino não passa de um EP e nunca foi masterizado para CD. Entretanto três das quatro músicas foram inseridas posteriormente em outros CDs, e a quarta, "La Rumba del Piano" que faz parte do "Del 63", foi uma versão em português em dueto com Caetano Veloso. 





            La La La
 O disco é uma parceria de Páez e Spinetta (O maior músico da história do rock latino de acordo a Rolling Stone). Lançado em 1986.
Cuidad de Pobres Corazones

Cuidad de Pobres Corazones
 As músicas deste disco são mais fortes do que o comum de Fito, já que elas foram desenvolvidas após a terrível morte de suas avós, que levou o argentino à uma depressão profunda. A música "Track Track", do quinto álbum de Fito Páz foi também gravada, numa versão em português, pela popular banda Paralamas do Sucesso.




Ey

 Ey! 
 Fito queria que "Napoleón y su Tremendamente Emperatriz" fosse o título deste disco, mas a gravadora vetou, e como protesto o longo título transformou-se em "Ey!". Uma de suas músicas foi inspirada em um conto do famoso Charles Bukowski, uma referencia mundial na literatura. 


Tercer Mundo
   
Tercer Mundo
"O álbum reflete o que eu vi em minhas viagens na América Latina: os festivais pagãos, os sacerdotes misturados com terroristas, prostitutas tentando tirar o dinheiro dos norte-americanos. Pensei comigo: Aqui abaixo há um mundo muito forte. Este álbum é uma espécie de filme sobre o continente americano e de seus países." -Fito Páez.
El Amor Después Del Amor


El Amor Después Del Amor
Lançado em 1992, ainda o álbum é o mais vendido na história do rock argentino. Nele é evidente a mistura de gêneros musicais e influências. A música que deu nome ao disco é a quarta mais acessada no site Letras e foi regravada pelos Paralamas do Sucesso no Brasil Afora com o título "El Amor" 


Circo Beat
Circo Beat 
 Como tudo que veio após a era psicodélica dos Beatles há um momento da carreira de um artista que haverá alguma interferência "Beatlica" e Circo Beat seria uma resposta ou apenas uma alusão ao disco Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band do famoso quarteto. Há uma versão bônus/deluxe do CD que conta com faixas em português. Circo Beat inicia com uma música integrante do meu top10 do Fito, uma das mais populares dele e que na versão bônus é interpretada por Caetano Veloso :



Enemigos Íntimos (Sabina e Páez)
 Em mais um álbum de parceria, Fito traz dessa vez o músico espanhol Joaquín Sabina. O que poderia ser uma bela amizade na verdade era uma grande rede de intrigas entre os músicos que ficaram dez anos sem falar depois do lançamento do disco, só declarando trégua após Páez convidar Sabia para uma participação em um disco ao vivo.

Abre 
Um dos mais importantes álbuns do argentino, produzido por Phil Ramone (Um dos maiores produtores da música internacional, tendo participado da carreira de artistas como Madonna, Paul McCartney, Billie Joel, Elton John, Bob Dylan, entre outros. Não, Phil não tem nenhuma relação com a banda Ramones). A segunda canção desse disco, Al Lado Del Camino deu ao músico 2 Grammys Latinos de melhor canção e uma indicação de melhor álbum de rock. 

Rey Sol
Rey Sol
 Dedicado ao filho e tendo como título o apelido de um dos reis mais emblemáticos da história, o disco de Fito acaba não atendendo às expectativas de seus fãs. Apesar de não ter nada de inovador como em seus últimos trabalhos, é um dos discos que mais me marcou simplesmente pela capa que me divertia na infância. 


Naturaleza Sangre

Natureleza Sangre
 O primeiro disco independente, com o próprio selo denominado “Circo Beat” e dessa vez com uma pegada mais rock, além de contar com a participação da minha amada Rita Lee em Ojos Rojos, nele estão inclusas minhas duas músicas favoritas do Fito Páez: Nuevo e Naturaleza Sangre, as primeiras do meu top10 do artista.




Moda y Pueblo

Moda y Pueblo 
Este disco é formado por releituras de sucessos do rock argentino, a maioria do próprio Fito Páez. Foi lançado em 2005 e mesmo com uma vedete a argentina na capa, o disco não foi tão bem recebido, justamente por se tratar de releituras.



El Mundo Cabe en una Canción

El Mundo Cabe en una Canción
 Conquistou o “Disco de Ouro” no primeiro dia de venda. A bateria foi gravado por Pete Thomas, baterista do Elvis Costello, que também participou tocando percursão na música “Mad Sounds” do recente disco do Arctic Monkeys, “AM”. Ganhou o Grammy Latino de 2007 com Melhor Álbum Vocal de Rock Solo.

Rodolfo

Rodolfo
 Sempre querendo inovar ou retornar antigos conceitos, este disco lançado em 2008 é composto apenas por Fito e seu piano, ganhando mais um Grammy Latino, dessa vez como Melhor Álbum de Cantor-Compositor. Apesar de ter sido lançado pela Sony, parte da gravação foi feita no estúdio de seu antigo selo Circo Beat


Confiá

Confiá 
 Este disco foi gravado em diversos lugares, incluindo Salvador e Rio de Janeiro, no estúdio “Nas Nuvens” do ex-Mutante e atual produtor de sucesso, Liminha. A gravação tomou o segundo semestre inteiro de 2009 e foi lançado em março de 2010.
Canciones para Aliens

Canciones para Aliens
 Fito escolheu as músicas que ele considerava as mais bonitas do mundo e as regravou, um disco basicamente de covers, que conta com uma versão em espanhol do sucesso de Chico Buarque, Construção. Dois meses após o lançamento, as músicas desse disco foram transmitidas por ondas eletromagnéticas para o espaço através do projeto Música Al Espacio. 




El Sacrificio
El Sacrificio
O lançamento desse álbum coincidiu com a turnê de vinte anos do El Amor Después Del Amor, o disco foi distribuído ao público no show no Luna Park, que aconteceu pouco depois de estar disponível no iTunes. O lado sombrio das canções fica claro quando ele canta sobre a morte de sua mãe e de suas tias, por exemplo.
"Um álbum de canções "malditas". É o meu álbum preto... cruel, que traz canções sórdidas compostas entre 1989 e 2013." 
        - Fito Páez.
Dreaming Rosario


Dreaming Rosario 
 Em agosto de 2013, um explosão em um edifício na cidade natal do cantor sensibilizou muitas pessoas com as 22 mortes e mais de 66 pessoas feridas, principalmente Fito Páez, que resolveu doar os dois primeiros anos de direitos arrecadados para as vítimas do acidente e suas famílias. O disco também possuí uma música em homenagem a seu parceiro do La La La, Spinetta, que morreu de câncer no ano anterior ao lançamento do Dreaming Rosario. 
Yo Te Amo

Yo Te Amo
  Bem mais pop e romântico, Fito traz diversas músicas dedicadas à pessoas muito especiais, incluindo a música Margarita que foi composta em homenagem a sua filha mais nova que tem o mesmo nome de sua falecida mãe.  O clipe dessa música mostra sua relação com sua filha. 



Rock 'n Roll Revolution
Rock 'n Roll Revolution (RRR)


 Lançado no ano passado, o nome já entrega o disco, que traz uma pegada mais rock 'n roll do que todos seus discos anteriores juntos. Toda as músicas desse disco são muito boas, mas a favorita desse álbum por pouco não é a mais lenta das onze, entretanto a letra cativante me deu vontade de cantar logo na primeira vez que a ouvi: 



A ligação do argentino com o Brasil é evidente, e para encerrar o post um trecho de um DVD que possui certo destaque no rock nacional e mais uma prova dessa ligação:



Um comentário:

Tecnologia do Blogger.
Nossa Invasão © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.